Turismo cultural: Cantora Anne-Sophie Guerrier (en)canta Montmartre! par Portal Turismo Total

par Duda Tawil sur le site brésilien https://portalturismototal.com

Uma visita original, mágica, emocionante e diferente de tudo é o que propõe a jovem cantora de 28 anos, Anne-Sophie Guerrier, para o turista que deseja visitar o pitoresco e boêmio bairro de Montmartre, no 18⁰ distrito da Cidade Luz, com suas ruelas, escadarias, esquinas, flores, monumentos emblemáticos retratados nos quadros de tantos pintores mundialmente conhecidos, e a sua famosa colina encimada pela Basílica do Sacré-Coeur. O tour temático e cancioneiro se chama “Montmartre en Chansons” – Montmartre em Canções.

É um turismo absolutamente artístico, inventado em plena pandemia e proposto há quase um ano por esta francesa nascida na cidade de Rouen, na Normandia, que chegou a Paris aos 18 anos de idade. Formou-se em 2018 na Escola de Comércio, Finanças e Marketing, porém apaixonada pela música e pela capital francesa. Como seu sobrenome indica, uma guerreira! Ao mesmo tempo, frequentou o Curso Florent, famosa e respeitada escola de artes cênicas. Ainda como estudante, fez uma parte do caminho de Santiago de Compostela, tornou-se cantora credenciada pelo metrô de Paris – aqui é verdadeira profissão, com carteira e tudo mais – porém com a pandemia esses artistas ficaram um ano e meio sem poder cantar nas estações. Ela teve como professor e seu mestre Éric Tavelli, formado na escola da Ópera de Paris, e no Conservatório Nacional Superior de Música, assim como por grandes tenores tais quais Luciano Pavarotti e Franco Corelli. O destino estava traçado para hoje esta cantora profissional da chanson française.

No percurso de duas horas no qual não sentimos o tempo passar, viajando nas canções por nossas lembranças, Anne-Sophie explica obras de arte pelo caminho, para em esquinas, conta anedotas, lendas, curiosidades, fatos históricos, sobretudo dos seus famosos cabarés, os muitos de ontem e os dois de hoje, tudo isso entremeado por lindas músicas, algumas bem conhecidas, verdadeiros clássicos, outras menos.

Fala de nomes que fazem até hoje sonhar, moradores, ex-moradores e frequentadores de Montmarte, como Aristide Briand, Édith Piaf, Charles Aznavour, Claude Nougaro, Claude François, Dalida, Jacques Brel, Salomé e Claude Lelouch, e também pinceladas em pintores e desenhistas que o imortalizaram, no seu tablet mostrando telas, desenhos e charges. É um show de cultura francesa, e emoções. Tudo à capela. Por vezes, cruza parceiros artistas de rua, como o acordeonista Yann Cotty, e dão uma canja.

De férias, à deux, e passeando na bela tarde de primavera de ontem, 10 de maio, os capixabas residentes em São Paulo há 12 anos, Rafael Reis, que trabalha com comércio de import/export, e José Eduardo Mello, ator, pararam fascinados para escutar Anne-Sophie (en)cantar os seus turistas e transeuntes, como eles.

Foi também a ocasião para os jornalistas correspondentes da Associação da Imprensa Estrangeira na França (APE) de abordarem o bairro por outro(s) ângulo(s), literalmente, e conhecerem – maravilhados – o trabalho fantástico de Anne-Sophie, de grande e bela voz, não por acaso aplaudida no final de cada trecho das canções: brrrrrrrrrravô!   A visita, toda a pé, dura duas horas, e aos sábados das 14h15 às 16h15. Pode ser feita também em inglês. É sempre necessário reservar. 15€ (adulto) e 8€ (jovens abaixo de 18 anos). Crianças menores de 8 anos é gratuito. Contatos: tel. (+33)678064545, Instagram @annesophie.guerrier e www.montmartreenchansons.com

Votre commentaire

Entrez vos coordonnées ci-dessous ou cliquez sur une icône pour vous connecter:

Logo WordPress.com

Vous commentez à l’aide de votre compte WordPress.com. Déconnexion /  Changer )

Image Twitter

Vous commentez à l’aide de votre compte Twitter. Déconnexion /  Changer )

Photo Facebook

Vous commentez à l’aide de votre compte Facebook. Déconnexion /  Changer )

Connexion à %s

search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close